Poema do Adeus

 

POEMA DO ADEUS

 

Sinto você partindo para não sei onde.

Vejo você caminhando lentamente,

passo a passo você afasta-se de mim

e eu imóvel lhe acompanho com o olhar.

Não quero que vejas a expressão de dor

que do meu rosto transfigura,

não pense que eu te amaria mais

e acima de tudo o que me faz.

Por isso fico observando um ponto

que desaparece no infinito,

não vejo mais você só sinto,

que devo deixá-lo ir agora.

Nem se eu falasse a língua dos anjos,

dos magos, dos santos, nem assim

eu poderia determinar o tamanho

deste amor que para longe você leva.

Altre opere di questo autore